quarta-feira, agosto 05, 2009

Calendário do futebol europeu

Parece que agora a Cbf, quer inciar discussão para tentar adapatar o calendário do futebol brasileiro ao calendáro europeu.

Da minha parte sou contra, por que aqui é Brasil, quando estamos no inverno lá eles estão no verão. E quando aqui é dezembro no final do campeonato brasileiro, estamos no verão e eles no inverno.

Em dezembro curtimos vários dias de folga, e conhecemos o time campeão.

Acho que a grande discussão deveria ocorrer em torno da lei Pelé e seus resultados sobre os clubes brasileiros.

Quando abrem-se as janelas de negociações de jogadores que podem ser transferidos para o futebol europeu, os clubes brasileiros com o chapéu na mão, não vêem a hora de surgir propostas por seus jogadores. E assim, o campeonato brasileiro que está na metade, agora em agosto, fica com clubes desfalcados de seus principais jogadores.

Ao invés de adaptar nosso calendário ao deles, deveriam tentar melhorar a situação dos clubes dando-lhes o direito de terem novamente o passe de seus jogadores com direito a negociá-los. Desde que respeitando também o direito dos atletas.

Os campeonatos regionais, no Brasil, ocorrem principalmente por que os estados são grandes e possuem várias agremiações. Muitos desses estados se equivalem em território a países da europa. Por isso temos esses campeonatos, pra mim deveriam continuar prestigiados.

O Brasil é único e culturalmente rico não precisa copiar a europa.

Um comentário:

EUDO disse...

EUDO BARBOSA - BRASÍLIA-DF
SOU A FAVOR DO NOSSO CALENDARIO, PORÉM É INADMISSÍVEL O QUE OCORRE COM O NOSSO FUTEBOL ATUALMENTE, NO QUE SE REFERE A TRANSFERÊNCIA DE JOGADORES PARA O EXTERIOR. OS CLUBES FAZEM TODO UM PLANEJAMENTO AO INICIAREM A TEMPORADA, VENDEM, CONTRATAM, EMPRESTAM JOGADORES, FORMAM SEUS PLANTÉIS TENDO SEMPRE EM MENTE UM OBJETIVO, SER CAMPEÃO, GERANDO GRANDE EXPECTATIVA AO TORCEDOR, QUE SEM DÚVIDA É UM DOS MAIORES RESPONSÁVEIS PELO SUCESSO DO SEU CLUBE. OCORRE QUE MUITAS VEZES, ATÉ MESMO ANTES DE SE INICIAR A PRIMEIRA COMPETIÇÃO, AINDA COM A TAL JANELA ABERTA, ALGUNS JOGADORES QUE SÃO ÍDOLOS EM SEUS CLUBES VÃO EM EMBORA, DA NOITE PARA O DIA, DEIXANDO O TORCEDOR A VER NAVIOS. OUTRA SITUAÇÃO AINDA MAIS GRAVE É A JANELA DO MEIO DO ANO, EM QUE OS CLUBES BRASILEIROS ESTÃO EM MEIO A UMA COMPETIÇÃO DIFÍCIL QUE É O CAMPEONATO BRASILEIRO E, NO MOMENTO EM QUE AS EQUIPES ATINGEM UM MELHOR ENTROSAMENTO, UM BOM CONJUNTO, CHEGAM OS CLUBES ESTRANGEIROS E LEVAM JUSTAMENTE OS MELHORES JOGADORES, É CLARO, SENDO QUE OS NOSSO CLUBES NADA PODEM FAZER, POIS AS PROPOSTAS SÃO MUITO ALTAS E OS PASSES PERTENCEM AOS JOGADORES, DEIXANDOS OS CLUBES SEM FORÇAS, MESMO QUE QUEIRAM SEGURAR DETERMINADO JOGADOR. PARA TENTAR REVERTER A SITUAÇÃO OS CLUBES PASSAM A CONTRATAR JOGADORES QUE ESTÃO NO EXTERIOR, MAS FORA DOS PLANOS DOS CLUBES EUROPEUS, POR UMA SIMPLES RAZÃO, ESSES JOGADORES ESTÃO NA MAIORIA DAS VEZES SEM JOGAR, PORTANTO, SEM RÍTMO DE JOGO E AS VEZES SE RECUPERANDO DE LESÕES, AÍ CHEGAM AOS NOSSOS CLUBES E ATÉ GANHAR UM MÍNIMO DE CONDIÇÕES, O CAMPEONATO JÁ ESTÁ NAS ÚLTIMAS RODADAS E ESSES JOGADORES NADA FIZERAM PARA AJUDAR OS CLUBES QUE OS CONTRATARAM. POR FIM, TENHO COMO SUGESTÃO A MUDANÇA NA LEGISLAÇÃO, OBRIGANDO O JOGADOR A PERMANECER NO CLUBE QUE O CONTRATOU POR NO MÍNIMO 01 (UM) ANO, OU SEJA, UMA TEMPORADA. ASSIM O JOGADOR QUE ASSINAR CONTRATO COM UM CLUBE BRASILEIRO EM DEZEMBRO/JANEIRO, SÓ PODERÁ SAIR AO FINAL DO ANO, QUANDO SE ENCERRAR O CAMPEONATO BRASILEIRO, TENDO A OPÇÃO DE RENOVAÇÃO POR MAIS UMA TEMPORADA E ASSIM SUCESSIVAMENTE. DESSA FORMA AVERIA APENAS UMA JANELA (DEZEMBRO/JANEIRO), TANTO PARA OS CLUBES BRASILEIROS QUANTO PARA OS ESTRANGEIROS, DE UMA FORMA GERAL. AGINDO ASSIM, NÃO HAVERIA PREJUÍZO PARA AMBAS AS PARTES, ESTABELECENDO SOMENTE ESSE PERÍODO PARA TODAS AS NEGOCIAÇÕES DE JOGADORES. CASO ESSAS MUDANÇAS NÃO SEJA DO INTERESSE DOS CLUBES ESTRANGEIROS, ELES QUE ADEQUEM SEUS CALENDÁRIOS AOS NOSSO.