sábado, dezembro 26, 2015

Algumas impressões de 2015

Realmente só mesmo algumas observações: Soube das agressões verbais que Chico Buarque sofreu em local público no Rio de Janeiro.

Dois play boys o interpelaram xingando de pt bandido. Chico respondeu que pra ele bandido é o psdb. 

Mas é desse jeito que play boy discute política, xingando quem pensa diferente.

Agora verdade seja dita: Se o eduardo cunha fosse do Pt, há muito já estaria preso, sem julgamento.  O mesmo penso sobre renan calheiros.

Acho também que se o fernandinho beira mar, pensasse melhor e resolvesse assinar a ficha de inscrição num partido da oposição de direita, olha acho que estaria com um pé na rua.

É a impressão que fico com o que vi neste ano.

Mensalão mineiro fazendo mais um aniversário, sem ninguém condenado.  

Trensalão com vários indiciamentos, acusações baseadas em provas e coisa e tal, mas julgamento ainda não soube de nada.

Os Rios pinheiros e Tietê, deveriam fazer parte do logo dos tucanos, imaginou: um tucano pousado num galho de árvore, bem na margem?

Ah mas se fossem do Pt, a mídia iria bater forte diariamente. E a Justiça também. 



quinta-feira, dezembro 24, 2015

O que penso do natal

Hoje no nosso lado ocidental, esta data é só mais um grande momento do comércio e da movimentação financeira. 

Bastante esperada por aqueles que trabalham no setor, precisam manter seus negócios, e os que trabalham e precisam manter seus empregos.

Mas o fato é que esta data se refere ao Cristo, e aos cristãos. 

Seria a data em que se comemora o nascimento de Cristo.

Acho que não é o caso simplesmente de comemorar a data em que Cristo nasceu, mas exatamente permitir que o Cristo nasça em nós.

Com tantos ensinamentos, quase impossíveis de seguir, por exemplo: Amar os seus inimigos, rezar por eles.

Qual a probabilidade de seguir este ensinamento?

O Cristo nascendo em nós. Quem se dispõe a refletir sobre isso?

Feliz Natal!

segunda-feira, dezembro 14, 2015

A miséria mental elitista

Existe algo de muito miserável na mentalidade elitista brasileira, e isto é simples de observar, basta comparar o que a mídia declara.

Quando um programa governamental pretende amparar ou investir nas classes mais humildes da sociedade, então rapidamente começam a encontrar os defeitos destas ações.

Em seguida vão taxando o conjunto dessas ações como "paternalista" ou "populista".

Ajudar o mais pobre é paternalismo, ajudar o rico é investimento.

O bolsa banqueiro vai bem obrigado, o bolsa família já é tido como responsável pela crise econômica brasileira.

Isso faz parte do conteúdo médio da mentalidade elitista brasileira, que se enoja diante da presença dos mais humildes. São esnobes por natureza, artificial. 

Financiar casas aos desabrigados, ou favelados deveria ser obrigação social de qualquer governo. 

Como acontece nos países onde se preocupa com a população:   AUSTRÁLIA, JAPÃO, CANADÁ, ALEMANHA, SUÉCIA, SUÍÇA, HOLANDA, FRANÇA,  e tantos outros exemplos.

O Brasil tem a mentalidade elitista mais MISERÁVEL DO MUNDO.

Ajudar a população pobre a ter acesso a uma vida digna, é neste tipo de pensamento, considerado prejuízo incalculável.

Mas na realidade é voltar-se de frente aos semelhantes e encará-los como gente.

Para um elitista de mentalidade miserável, mesmo quando está num cargo elevado numa estatal, o simples fato de ver os trabalhadores ganharem no final do ano um décimo terceiro, já é razão para se articular e sair pisando em seus ganhos, com palavras, e ações estúpidas.

É o de sempre, a manifestação da mente miserável elitista. 

Mas eles não vão levar suas riquezas para as futuras tumbas, por que sabem muito bem que só iriam apodrecer com elas.

segunda-feira, dezembro 07, 2015

O que se consome também é devastação!


Na real estava sentindo como seria bom notar a brisa do vento e seu efeito na natureza. 

Imaginei então uma ampla área verde, cortada por uma estrada. Alguns animais privilegiados se alimentavam, umas vacas.








 Quando o vento soprava as pastagens mexiam-se como se fosse por um toque, como plumas ao suave sopro.

Quanta paz, e quanto engano. 

Aquilo era o inverso do natural, e me detive por alguns instantes nessa imaginação, por um motivo qualquer que só depois fui notar.

Também o que o homem consome é parte da razão de suas tragédias.

???

Os pobres animais que avistei, são apenas vítimas dessa cultura. O gado.




Consumido ao extremo e em cada milímetro de sua carne e até de sua imagem. 

Publicitários já usaram a imagem do animal para colocar canções publicitárias em suas bocas, já o fizeram dançar e até lançar marcas, novas marcas de alimentos, novos logos...

Mas o animal é vítima, da fúria que devora e que poucos percebem. Vítima da super exploração.

O desejo de comer carne, as churrascarias, os prazeres do churrasco. Tudo o que envolve a carne de grandes animais bovinos.

Para criá-los é preciso derrubar árvores, e criar grandes pastagens, áreas verdes. Aqueles que me deparei observando o suave toque do vento.




Então onde antes havia vegetação nativa, com inúmeros habitantes de uma extensa fauna, resta a pastagem. 

Por um momento pode-se iludir com a paz que uma imagem dessas traz com o toque do vento.

Mas a devastação, produz efeitos catastróficos.  Seca intensa, chuvas torrenciais, e tudo o que assistimos. 

Parte da tragédia ambiental que vivemos nestes últimos anos, também é fruto do que consumimos.





O natural, o que faria muito bem ao planeta, seria preservar a maior extensão possível de mata nativa.

Evitando, ao menos em parte, a fúria da natureza. 






Foi então que notei que nem sempre o leve toque de vento, indica só a paz e a tranquilidade.






Pode ser um alarme.


domingo, dezembro 06, 2015

Golpe dentro do golpe

Depois de um presidente ilegítimo, com contas suspeitas já investigadas, no exterior aceitar o início de um processo de impeachment, um golpe vai puxando outro.

Antes de tudo seria preciso que alguém com legitimidade assumisse a presidência do congresso. Tarefa difícil, uma vez que o atual ilegítimo representa outros tantos iguais a ele.

O processo em questão não apresenta uma razão sustentável, e por si já representa uma intenção golpista, que já vinha sendo divulgada desde o início do atual mandato.

O golpe em sequência, vem de dentro do governo. 

Mais propriamente da vice presidência, na figura do vice presidente, que neste instante ao invés de defender o mandato da chapa da coalizão em que foi eleito, já vem se distanciando, buscando contatos em São Paulo.

Quem sabe já visando uma sustentação para sua possível ascensão ao cargo, que por direito, não lhe pertence. 

E as consequências disto, ainda não se pode imaginar, visto que recentemente setores expressivos da sociedade, já manifestaram de forma bastante significativa, sua posição em defender o atual mandato, alcançado legitimamente nas urnas.

Este golpe à luz da Constituição não tem como passar. A sucessão golpista deste que deve apoio, mas já se movimenta como traidor, pode também se enroscar em alguma porta na ante sala da democracia.

sexta-feira, dezembro 04, 2015

#NÃOFECHEMINHAESCOLA Em fim o bom senso!

Após a intervenção do Ministério Público e da baixa popularidade do governo de São Paulo, a ideia absurda de reorganizar o ensino, fechando 94 escolas, foi finalmente suspensa.

Ainda acho que a população de São Paulo merece mais. Merece a garantia de que este atentado contra educação, nunca mais ressurja.

A forma para que isto ocorra, seria quem sabe uma declaração pública do governador ou do secretário de educação, deixando claro a desistência do projeto, ou o que é mais seguro: Exoneração do atual secretário de educação.

O motivo? a mais flagrante dissonância de sua gestão com a realidade, e a necessidade da educação, em São Paulo.

O vale tudo da política II

Agora a globo finalmente terá um concorrente muito forte para sua novela da noite: o blá blá blá do impeachment.

Antes de qualquer outra coisa, acho bom localizar a razão pela qual eduardo cunha se mantém a tanto tempo na presidência do congresso, mesmo depois de comprovada sua conta no exterior e tudo o mais.

É que na realidade ele representa, não todos, mas boa parte dos políticos que ali estão: tem conta fora do país, ganhos por fora, e qual deles ali não tem?   Algum brasileiro duvida?

De repente pensando bem, pode não representar os brasileiros, mas representa bem seus pares na política.

E agora perceberam a possibilidade de lidar com um governo inseguro por mais tempo.

Era tudo de que precisavam, para seguir chantageando, que parece a coisa mais comum por lá. 

Se pensassem no país, na necessidade premente de o Brasil conhecer a sua definição política, quem fica na presidência, em fim uma nação estável, certamente não sairiam de recesso, e trabalhariam para que o Brasil conhecesse finalmente sua estabilidade.

Mas pelo visto, por sua representação, pelo caráter geral dos políticos de que dispomos em Brasília, é bem possível que saiam todos em férias, prolongando a instabilidade,  e deixando os brasileiros e o país todo de lado.

É até que se prove em contrário, a base do perfil daqueles que dizem "servir" ao país, na representação do congresso.

quinta-feira, dezembro 03, 2015

Contra todos na (falta de) educação

Eu não considero uma boa forma de protestar, a tentativa de bloquear as principais vias da cidade.  Não mesmo.

Devem existir outras formas de protestar, e inclusive de sensibilizar a população pela causa dos estudantes, que é de todos.

Não ouvi até aqui, nenhum pedagogo, pai de aluno, estudante, falar favoravelmente sobre esse suposto projeto de reorganização do ensino.

Acho inclusive que o propósito mesmo é o de economizar verbas, nesta que é a área em que o Brasil mais carece de investimento.

Ainda espero que o Ministério Público deixe de lado questões de preferência política, e realmente invista contra esse atentado à educação.

E a fala do chefe de gabinete da secretaria de educação, tanto quanto a do governador é de que estão "abertos ao diálogo".

Mas a que diálogo ele se refere? isto é um MONÓLOGO, só querem falar o que vão fazer e pronto.  É uma decisão tomada.  

Esse é o desespero que bate nos estudantes, e naqueles diretamente envolvidos nessa aventura, onde o maior prejuízo mais uma vez recai sobre a educação. 

Que digam os professores de São Paulo, que depois de 89 dias em greve ganharam um zero de reajuste.

Acho que esta gestão, está se candidatando à pior fase da educação em São Paulo.

O vale tudo da política

Acho que nada mais pode surpreender os brasileiros em termos de política, ou do vale tudo.

Há questão de uma semana vi a entrevista do sr. aecio neves onde afirmava que a posição de seu partido, era pelo afastamento do presidente do congresso eduardo cunha.

Já ontem à noite o mesmo senador aecio neves falava em tom vitorioso sobre a aceitação por parte daquele mesmo presidente do congresso, do pedido de impeachment da presidente da república.

Quer dizer, desde que sirva a seus propósitos aquele mesmo que até outro dia teria de se afastar do cargo, agora é comemorado pela decisão de aceitar pedido de impeachment.

O período eleitoral oficialmente acabou em 2014, mas grupos sem escrúpulos querem que isto se prolongue até que consigam ascender ao poder.

E o presidente da câmara que vive usando seu posto para retaliar e por vezes, até intimidar, já deve ter seu lugar na lata de lixo da história, só pode prolongar um pouco mais devido ao vale tudo instalado na política.

sexta-feira, novembro 20, 2015

Timão Hexa campeão brasileiro em 2015!

As fotos, as entrevistas estão por aí a toda, Corinthians Hexa campeão brasileiro!

Como corinthiano, estou muito satisfeito, foi uma bela disputa, um ano e tanto para o Timão.

Ainda resta importante conquista neste ano: superar a marca que atualmente é do Cruzeiro, que somou 80 pontos ganhos em 2014.

com mais três rodadas, 9 pontos em disputa, o Timão tem no momento 77.

Ah o mesmo ano daquela maravilhosa conquista, e que venham outras. Esse clube mexe com a emoção da gente. É o time do povo! É o campeão dos campeões!

Rio Pinheiros nossas águas de mariana!

Animais  voltam a se reproduzir no rio Pìnheiros! 
 De repente após algumas chuvas as águas do rio Pinheiros reaparecem com cor de barro. Será que as águas de Mariana atingiram nosso rio poluído?   

Se fosse o caso, acho que seriam as maiores prejudicadas, estragando-se mais ainda ao atingir isso aqui.



sábado, novembro 14, 2015

13 de novembro: Dia da ação anti divina!

Esses grupos que procuram identificar suas ações como sendo dedicados a um grande deus, estão como sempre enganando seus comandados.

Assassinar pessoas é um ato diabólico, e se pensaram ser recebidos no céu por um grupo de virgens ou algo parecido, enganaram-se: talvez encontre o capeta pedindo autógrafo.

Na real haverão de se deparar com as profundas dores de quem praticou violência e injustiça, a própria alma cobra, e o inferno é isso.

Assassinatos ocorridos em Paris, covardes e condenáveis, tanto quanto aqueles ataques russos e americanos que acabaram atingindo hospitais, onde muitos civis eram atendidos, ocorridos no Afeganistão e até na Síria.

Não há desculpas para violência grosseira e desumana como estas.

E acho também que isto já é parte de uma terceira guerra mundial, fragmentada e que pode ocorrer em diferentes cenários.

Até sonhei noite passada com uma figura sinistra, sorvendo um crucifixo na boca, como se faz com sorvete ao mesmo tempo em que ria satisfeito.  

Deve ser a alegria do inimigo das almas, satisfeito com mais um ato covarde.

terça-feira, novembro 03, 2015

Timão bem perto do título tem mais ainda a conquistar!

Depois da rodada de domingo, quando o Corinthians derrotou o Atlético Mineiro por 3 x 0,  o título de campeão Brasileiro de 2015 que já era bem próximo, tornou-se evidente.

Questão de passar pelas próximas rodadas, ou quem sabe somente pela próxima, e se tornar matematicamente campeão Brasileiro de 2015.

Com o futebol vistoso que vem apresentando, acho que mesmo atingindo a conquista do título, o time e o elenco todo, deveriam manter-se atentos, como vêem fazendo até agora.

A maior pontuação atingida desde a inauguração dos pontos corridos, no Brasileirão, até aqui, foi do Cruzeiro com 80 pontos, em 2014.

Esta aí a grande chance do Timão, além de conquistar o título de 2015, entrar para história superando o recorde de pontos conquistados.

domingo, novembro 01, 2015

#Nãofecheminhaescola !!!!

Estou com os professores, sua representação, com os estudantes e pais preocupados, com o futuro da educação.

Ninguém consegue acreditar que um projeto que prevê o fechamento de até 94 escolas, possa contribuir com a melhoria da qualidade do ensino.

Colocar numa mesma escola, somente alunos do mesmo ciclo, ao que tudo indica, é uma medida, para enxugar salas e diminuir o funcionamento de escolas.

Num momento em que o país precisa e muito de abrigar mais estudantes, de melhorar a qualidade do ensino, isto parece mais com uma desorganização.

Parece que a necessidade de estar diante dos holofotes, é maior que criar alternativas realmente importantes para melhorar a qualidade do ensino.

A atual orientação da secretaria de educação do estado de São Paulo, parece mais uma forma de criar grande movimentação, agitação com repercussão na mídia.

E com o agravante de diminuir escolas em funcionamento.  


sexta-feira, outubro 09, 2015

Princípio da Justiça: igualdade perante a lei

A imensa nação de simpatizantes do PT, ainda que sentindo-se traída por parte de uma parcela de seus representantes, sentem-se ainda mais traídos e humilhados pela mídia, e até pela justiça.

Isto por que todos sonham com um país Justo, onde todos sejam iguais perante a lei, mas o fato é que alguns são mais iguais que outros.

Acrescentemos o QUARTO P na lista dos que vão pra cadeia no Brasil: Preto, Pobre, Puta e Petista.

E agora nessa onda midiática, onde pretendem até destituir do cargo da presidente eleita, citam alguns políticos da oposição, como "suspeitos" e que serão "investigados".

De que valem esses adjetivos quando não passarão disso mesmo?

Daqui há uns dois anos, nem investigados, e nem suspeitos, passarão a exemplo do mensalão mineiro, como esquecidos.

Um nome com suspeita bilionária, que foi bastante divulgado em São Paulo, sr. Houssein Areb Saab, que foi secretário municipal, é um dos que tiveram esses adjetivos.

Há mais de CINCO ANOS. E o que resultou tal processo?

E o trensalão com provas robustas, apresentadas pelo ministério público da Suíça? só há algumas semanas as provas foram reconhecidas como válidas pela Justiça.

E foram apresentadas há bastante tempo, há uns dois anos. E o processo há quantas anda? Já houve até divulgação que os documentos referentes a construção do Metrô passaram a ser sigilosos!!!!!  

Assim ninguém jamais poderá descobrir qualquer falcatrua, por 25 anos,  e se descobrir após esse tempo todo,  o fato terá prescrevido. 

A  dona globo lança o nome mais recente do senador Agripino Maia, para se juntar ao de Aloísio Nunes, como suspeitos e investigados, mais para validar o processo de linxamento social contra o PT, com membros prontamente apontados, julgados e condenados. 

Aliás condenados desde o princípio, antes até de serem julgados.

Faço parte dos que sonham com um país onde todos os suspeitos e acusados, sejam prontamente investigados e julgados, no mesmo tempo e com a maior brevidade. 

Mas não somente uma parte dos acusados, todos.

A globo, nem a mídia em geral não me enganam.

Parecem fazer parte do mesmo processo de ressurgimento das forças reacionárias direitistas que governaram o Brasil desde sempre.

Desde os tempos do fmi, das parcelas de empréstimo, da dívida do viaduto do chá, da compra da light, da venda da Eletropaulo, e a conta vai longe.  

segunda-feira, setembro 28, 2015

Enquanto a presidenta falava na Onu...

Procurando recolocar o Brasil como nação viável no mundo, abordando a imigração, e sem tocar a fundo no problema político na Síria....

A oposição, principalmente os tucanos, se apresentavam em programa de tv, tentando enfraquecer e ampliar a tese da saída da presidenta do poder.

É a continuação da disputa eleitoral em curso, desde outubro de 2014, que vem atrapalhando a vida dos brasileiros.  

Falam como se não tivessem sido e não fossem governo. Pois onde governam até engasgam diante de questões que deveriam administrar, e não administram.

O Brasil carece de propostas novas, de pessoas dispostas a contribuir com avanço econômico e social.

Aqui parece que só tem oportunista, sempre a espreita de uma chance de tomar o poder para seu grupo.

Lamentável.

Poderíamos desfrutar de uma estabilidade, e buscar novos rumos na economia se houvesse maior interesse em melhorar, em propor novas saídas.

Tietê sem resposta

Quando a globo resolve divulgar reportagem sobre a enorme extensão poluída do rio Tietê, e depois de mostrar imagens significativas, o que um secretario de estado tem a dizer?

Só evasivas, o lugar comum de quem não faz nada há décadas: .. O problema é o não envolvimento dos municípios...

O principal poluidor é São Paulo, e nunca se levou a sério nenhum projeto de despoluição, a despeito de tanto dinheiro já empreendido para isto, inclusive com participação de banco mundial.

Triste ver um secretário de estado praticamente gaguejando, diante da evidência do tamanho do problema, ao qual jamais empreendeu qualquer ação significativa.

Atualmente tudo o que se faz é plantar algumas árvores na laterais do rio poluído, trazer animais, como capivaras, para morrer dentro de pouco tempo, depois de se banhar nesse rio onde nenhum ser vivo consegue sobreviver.

Papa, a Onu e a nova ordem

O papa Francisco em sua passagem pelos Eua pediu maior respeito e atenção com os imigrantes.   

Ele mesmo se considerou um imigrante.

Pediu mais humanidade, mais respeito com a natureza.   

Tudo que o sistema financeiro liderado pelos banqueiros, devem considerar como obstáculo a sua expansão.

Parece que tudo que mais importa no pensamento do sistema financeiro, é a própria expansão, a todo custo, e sobre a vida de quantos milhares de pessoas, que não passam de números.

Onde prevalece o pensamento do setor financeiro, certamente a qualidade de vida, dos atingidos cai.  Por que para este setor, gastar com gente não é  lucrativo, não contribui com objetivos de expansão do capital.

A Onu, em seu congresso abre microfones a muitos discursos, e hoje se ouviu o presidente americano, dizer por exemplo que o mundo precisa seguir uma ordem.

Que não seja a ordem do sistema banqueiro internacional, pois nesta o ser humano não é prioridade. 

O presidente russo alerta que os principais países do ocidente deveriam apoiar o presidente Sírio. 

O presidente americano qualifica o presidente síro de tirano, e certamente quer a sua deposição.

E neste clima de guerra, financiada, milhares de vidas promovem um enorme êxodo humano, o maior das últimas décadas, envolvendo crianças inocentes.  

Para o sistema financeiro isto também é só uma questão de reequilíbrio de forças.

Incrível como um grupo como o estado islâmico, é tão difícil de ser combatido, sendo que tantas forças poderosas no mundo hoje estariam empenhadas nesta guerra.






sexta-feira, setembro 04, 2015

Se...

Seguindo o raciocínio das piadinhas de facebook, onde se diz que: Se a amazônia é o pulmão da terra, Brasília é o intestino, quero acrescentar:

O rio Pinheiros e Tietê em São Paulo são a privada, o esgoto.

Justamente no estado sob comando de gente que brada ares de porta vozes da ética e da probidade.?

Quem conseguiria somar a quantidade de dinheiro despejada nesta questão, para supostamente desenvolver projetos de despoluição?










domingo, agosto 30, 2015

Água crise no mundo e diferença de atitude

Nunca é demais insistir no tema: as emissoras de rádio, tv, e até grandes jornais, tem sempre o mesmo foco.

E aliviam muito quando se trata de assuntos críticos onde governam a oposição.

A questão da falta de água por exemplo tem sido abordada com uma compreensão de mãe!

É como se a culpa fosse exclusivamente de São Pedro e da população.

A grande diferença em relação a escassez da água no mundo e aqui no Brasil, especialmente São Paulo, é a forma como se tratou a questão até hoje.

Enquanto nos principais países do mundo, se desenvolveram projetos para recuperação de rios, além de educar a população para o uso responsável, aqui em São Paulo...

A maior cidade do país, deu exemplo de gastança, desvios de verbas ao longo de décadas.

O rio Tietê - Pinheiros, já recebeu verbas do banco mundial em inúmeras oportunidades, e jamais foram desenvolvidos projetos que levassem a recuperação dessas águas.

Ao contrario o rio é cada vez mais exemplo de descaso e de esgoto a céu aberto. 

Cortando a maior cidade do país!

Não tem como isentar a má governança que, torrou dinheiro em supostos projetos de recuperação, e não produziu nada de importante.

domingo, agosto 23, 2015

Que contas devem ser analisadas?

Se é para analisar contas da campanha vitoriosa da presidenta Dilma, então é preciso um alerta:   Por que não analisar as contas do segundo colocado?  

Afinal o volume financeiro da arrecadação é muito próximo, e não é JUSTO para o Brasil, deixar de analisar a arrecadação da outra campanha também.

As empreiteiras não tem preferência partidária, tem NECESSIDADE DE APROXIMAÇÃO COM O PODER.

Assim é muito provável que as empreiteiras citadas na operação Lava Jato, tenham "contribuído" com as principais campanhas, na última eleição brasileira e que tinham reais chances de chegar a vitória.

E pensando no futuro, acredito mesmo que o melhor é não permitir mais contribuições de empresas privadas em campanhas políticas.

Essas contribuições, serão pagas pelo contribuinte, como todos sabem, ninguém doa dinheiro para uma campanha, apenas investe, para recuperar depois.

Então se for  para o STF analisar a arrecadação da campanha petista,  que analise também a arrecadação da campanha da oposição.

Isto para o caso, do STF pretender ser JUSTO E IMPARCIAL. 

Do contrário continuaremos a assistir um jogo político jurídico, uma disputa no tapetão.

quinta-feira, agosto 20, 2015

Acima de tudo a defesa do voto!

As manifestações de hoje em apoio ao governo democraticamente eleito, da presidenta Dilma, demonstraram a grande disposição de milhares de brasileiros em lutar pelo respeito ao seu voto.

O Brasil conheceu um momento de grande civilidade, onde ficou bastante evidente de que os brasileiros não estão dispostos a aceitar golpe, nem com roupagem jurídica.

As imagens demonstram ainda, a participação muito ampla, e a existência de um Brasil com população ainda muito mais numerosa de que aquela dos bairros de classe média, da panelinha.


 



sábado, agosto 15, 2015

Vela sobre lixo

Deve ser este o esporte para teste antes das olimpíadas do Rio.

A poluição das águas da bacia da Guanabara já foi mostrada até pela globo, imaginem!  Só não vê quem não quer.

Aí aparece um secretário de esportes e diz que vai pular naquelas águas, onde serão realizadas as competições.

Pula na merda então!

Em São Paulo é o mesmo discurso, está tudo muito bem:  Plantam lindas vegetações, ao longo do rio mais poluído do mundo, soltam pobres capivaras, para vida suicida, que deve durar muito pouco.

Resolvem assim um problema de excesso de população do animal em algumas cidades, e causam a impressão de água limpa com esses animais por perto.

Quando é que o interesse humano, vai prevalecer sobre o interesse do dinheiro? quero dizer, do ganhar muito dinheiro fácil.

quinta-feira, agosto 13, 2015

Uma questão sobre o tapetão

Mais uma vez tenta-se criar um clima de tensão no país, revirando pedidos de impedimento, feitos pelo partido derrotado na eleição presidencial.

Tenho uma dúvida: O que os ministros do Tribunal Superior Eleitoral, diriam se ficasse também comprovado, que as mesmas empreiteiras que investiram na campanha do PT, também investiram na campanha do Psdb autor do pedido de impedimento contra o governo?

Fariam o que a Justiça tem feito até hoje, fechado os olhos e seguiriam somente contra um único foco?

sábado, agosto 08, 2015

Forçando a crise política

A mídia mostra a baixa popularidade atual da presidenta eleita, Dilma Roussef. Mas onde está a pesquisa sobre a popularidade do congresso?

Quem pode afirmar que os brasileiros estariam de acordo com essa movimentação, em prol da destruição do governo?

Mais, os líderes da oposição que vem se lançando porta vozes da ética e da probidade, não tem o selo de garantia, pois não foram ainda investigados.

Aprovam no congresso aumento a uma determinada categoria, para confrontar o governo, mas nos estados onde administram mandam bater em professores e não concedem aumento.

Para aumentar o poder de fogo midiático, apresentam o balanço da Petrobras conferindo um recuo significativo nos lucros da empresa.

Mas não divulgam que outras empresas como a concorrente Exxon, teve lucro mais de 50% inferior no mesmo período.

Boa parte de crise atual, vem sendo maquinada no próprio congresso. Articulada antes pelo grupo do candidato derrotado, e por outros aliados, e até oportunistas de última hora.

Pensam que estão caminhando sobre escombros de um governo, mas não conseguem imaginar, que o espetáculo que estão protagonizando, não passa de um pedaço do inferno que sai de suas cabeças agitadas, e não haverão de encontrar ressonância entre os brasileiros.

Se houvesse uma pesquisa hoje, sobre o congresso, possivelmente demonstraria que os brasileiros também não acreditam nesses supostos porta vozes da ética.

Antes de mais nada, estes representam tudo de ruim que já passou pelo país, como subjugação ao fmi, dependência financeira extrema, salário mínimo muito baixo, favelização país a fora. 

Entre outras maldades contra o povo brasileiro.

sábado, agosto 01, 2015

Que outro planeta aceitaria um terráqueo?

Há cerca de uma semana divulgou-se que cientistas já captaram através de fotos, novos planetas, em outros sistemas solares, onde há grande chances de vida.

Aí um jornalista comentando este fato, disse que isso representa uma grande esperança, pois indicaria a possibilidade de o ser humano prosseguir sua vida em outro lugar.

Quer dizer, destrói-se este planeta e depois o abandona, em busca de outro lugar para viver?

Acho que em qualquer outro planeta onde possa haver vida, não seria tão fácil de se aceitar um terráqueo...

"Ah lá vem vocês, destruidores, acabam com seu planeta e agora querem vir aqui, para destruir o nosso...?"

Melhor pensar em redirecionar a vida por aqui, e salvar a terra. 

Enquanto ainda há tempo.

Assedio moral e discriminação

Pensando sobre essa propaganda do Ministério Público contra o assedio moral nas empresas, dá para notar que até o autor da propaganda, também discriminou. 

No quadro apresentado, quando um chefe aponta diante de seus funcionários, aquele que obteve o pior resultado, o protagonista é um senhor, já mais velho. Os funcionários são jovens.

Acontece que as cenas de assedio moral, que são muitas por aí no universo das metas a serem alcançadas, a maioria dos chefes que protagonizam as cenas de humilhação são jovens.

Pessoas que nem tem noção do que é estar no lugar do outro. 

sábado, julho 25, 2015

Reforma democrática24/07/2015 | 16:26
Coalizão intensifica movimento contra financiamento de campanhas eleitorais por empresas
 
A Coalizão pela Reforma Política Democrática e Eleições Limpas lança nova ofensiva contra o financiamento de empresas para campanhas eleitorais. A iniciativa visa buscar apoio de deputados federais ao destaque de votação que impediu a conclusão da votação sobre a reforma política em segundo turno na Câmara dos Deputados. Pesquisa do Instituto Datafolha, contratada pela OAB, aponta que 74% dos brasileiros são favoráveis ao fim do financiamento de campanha por empresas.

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou, no dia 7 de julho, a PEC da reforma política (Proposta de Emenda à Constituição 182/07) em segundo turno. Mas um acordo de líderes adiou a votação dos destaques ao texto, que podem excluir partes já aprovadas no primeiro turno, entre elas a regra de financiamento de campanhas que permite a doação de empresas a partidos políticos e a candidatos.

A Constituição Federal não tem regra sobre o financiamento de campanhas, que é disciplinado em lei e está sob julgamento pendente no Supremo Tribunal Federal (STF). A PEC busca constitucionalizar o financiamento privado.

Composta por entidades e movimentos sociais como a OAB, a CNBB, UNE e FENAJ, a Coalizão pela Reforma Política Democrática e Eleições Limpas é contra tal proposta, por considerar que o cerne da corrupção no país está no financiamento das campanhas eleitorais por empresas.

Uma pesquisa do Instituto Data, realizada entre os dias 09 e 13 de junho de 2015, onde foram entrevistadas 2.125 pessoas em 135 municípios, aponta que 74% dos brasileiros são favoráveis ao fim do financiamento de campanha por empresas e 79% consideram que tal financiamento estimula a corrupção.

Agora, mais respaldada pela pesquisa, a Coalizão intensifica o combate ao financiamento empresarial de campanhas. A mobilização deverá ser realizada fundamentalmente nos Estados. Experiências anteriores indicam que a pressão exercida sobre os parlamentares, em suas bases eleitorais, é o caminho mais eficiente para buscar um resultado que atenda às aspirações populares. Por isso, a proposta é que essa atividade seja iniciada ainda durante o recesso, ocasião em que os parlamentares estarão em contato com suas bases, devendo continuar também durante a votação da matéria no Senado.

A mobilização buscará consolidar os votos contrários à constitucionalização do financiamento, bem como pressionar os parlamentares que votaram a favor para que mudem seu voto. Será feita uma ampla divulgação do voto de cada parlamentar sobre o financiamento de campanha por empresas e a realização de mobilizações de rua. Estão previstas, também, outras iniciativas como atividades nas redes sociais, entrevistas nos órgãos de imprensa locais, envio de e-mails, cartas, telegramas e telefonemas aos parlamentares.

A FENAJ conclama os jornalistas, estudantes e professores de Jornalismo e suas entidades a engajarem-se na campanha.

Federação Nacional dos Jornalistas

domingo, julho 19, 2015

Última tentativa

Quem sabe se o presidente do congresso não arriscou uma última cartada, declarando-se oposição.

Talvez ele esteja pensando em se livrar do foco das investigações da lava jato, afastando-se politicamente do governo.

Diante de ações que só tem visado um único lado da moeda, quem sabe ele esteja buscando amparo.

terça-feira, julho 14, 2015

Zona do euro dominada por banqueiros

Depois deste acordo com a Grécia, onde os principais aspectos sobre aperto econômico foram impostos ao país, não há qualquer dúvida: Na zona do euro, quem comanda são os banqueiros.

Resta agora aos gregos vivenciar um período de conflitos, ou de recessão consentida. 

Deveriam também, fazer uma busca no sistema financeiro, atrás de recursos de ex dirigentes do país, que contribuíram para o endividamento grego.

O fato é que a Grécia foi a bola da vez para sofrer aperto, pagar juros, e continuar com a corda lançada pelos banqueiros. 

Quem será o próximo?

domingo, julho 12, 2015

As velocidades da justiça

Esta semana assisti, o jornal nacional mencionar o mensalão mineiro: o ex senador Eduardo Azeredo será julgado na Justiça comum, sobre o caso do mensalão mineiro.

Será julgado, quer dizer, ainda não tem data certa.  

Porém o mensalão mineiro, que não se restringe a figura do senador citado, foi descoberto há mais de DEZ ANOS.

Anterior inclusive, ao mensalão do PT, que já foi julgado, onde personalidades já cumpriram pena.

Mas o mensalão mineiro, foi despachado de Brasília, para Minas Gerais, na época em que o sr Joaquim Barbosa, era ministro do Supremo.

E lá parece que não há pressa alguma para julgar. Se é que um dia isso será julgado.

Já a velocidade para julgar casos envolvendo membros do PT é espantosamente alta, inclusive prende-se sem julgamento.

É dessa forma que a mídia provinciana brasileira, divulga suas "verdades" sempre de acordo com seus interesses.

Sem contar a pouca divulgação do caso do trensalão, de São Paulo, envolvendo superfaturamento nos trens da cptm e metrô. 

Caso que pouco figura noticiário. Julgamento então, sabe-se lá quando, se neste século quem sabe.

Devem ter citado o mensalão mineiro, só para tentar demonstrar alguma imparcialidade, com relação ao Psdb, e o Pt. 

E a Justiça, demonstra a diferença de velocidade entre um e outro caso.


quarta-feira, julho 08, 2015

O não da Grécia

O não dos gregos à proposta banqueira da europa e fmi de mais apertos na economia, tem um significado importante que não pode ficar esquecido:

É um não ao sistema financeiro, e que deve permanecer, é como se uma população afirmasse: chega de ferir a dignidade humana. Este é o limite.




sábado, julho 04, 2015

Ditadura dos números

A cada dia mais o desespero por metas vem assolando e intimidando profissionais, gente que trabalha, sendo afrontada por quem não tem o que fazer o dia todo, e fica sonhando com números que levariam sua empreitada ao pleno sucesso.

Fruto de um modelo econômico que se pretende moderno, a inclusão de metas na vida profissional, vem sendo desenvolvida de maneira intimidatória.

A propaganda do Ministério público do Trabalho, atingiu em cheio esse mercado tão comum e presente na vida dos brasileiros.

Problema é o acesso a denúncias, e a quantidade que deve ocorrer.

As empresas estão perdendo a noção, querem inverter a lógica e obrigar seus comandados a buscar resultados a todo custo. 

Fingem inclusive que não enxergam os meios como são obtidos.

Um crime atrás do outro. Por trás de um pacote de serviços de tv, de operadora de  telefonia, que o cidadão não solicitou, existe também um caminhão de metas que algum trabalhador tem nas suas costas.

É como se de repente o trabalhador (a) tivesse entrado num quartel militar dos números dos anos 70. Tem que fazer continência para os números. 

Gente não vale nada.

Isso um dia ainda vai acabar, por que tudo que é falso um dia desaparece, SEM DEIXAR RAÍZES.